Passeando pela Leroy Merlin

Há alguns meses esse rapaz publicou a seguinte frase no Twitter e virou um meme:

Captura de Tela 2017-02-08 às 16.08.31

Não sei se é verdade, mas é fato que a gente ama passear na Leroy Merlin. Eu costumo ir com frequência para comprar os materiais que uso nos meus projetos e até pesquisar produtos novos.

Na minha última visita à loja, no final de janeiro, tirei algumas fotos de achados legais e hoje compartilho 5 coisas que eu acredito que vale a pena fazer na Leroy Merlin.

1. Cortar madeira do tamanho que você precisar
Sem dúvida essa é a melhor coisa da loja. Poder comprar a madeira e mandar cortar todos os pedacinhos no tamanho que você precisa é ótimo. Nunca mais fui atrás de marceneiro para fazer serviços simples depois que comecei a usar esse serviço da loja.

2. Procurar inspirações para projetos DIY
O lance aqui é ter um novo olhar para os materiais e ferramentas que vendem por lá. Existem muitos objetos que são criados para determinadas aplicações mas que podem ser usados para inúmeras outras coisas.

leroy6

Quer um exemplo? Olha essas plaquinhas na seção de jardinagem. Elas servem para identificar o tipo de erva plantada, mas já pensou que com tinta fosca preta elas viram pequenos e lindos quadros-negros para identificar os sabores das comidas em uma festa?

leroy7

Essas mãos francesas também. Oficialmente são para servir de suporte para prateleiras. No entanto, que tal usar uma para pendurar uma floreira ou até mesmo um planter de macramê?


3. Pensar em versões “faça você mesmo” de produtos prontos legais que tenham por lá

Essa dica vale para outras lojas de decoração também. Veja os objetos legais ofertados que não tenham um preço muito acessível e pense em como fazer uma versão adaptada e mais barata para você.

leroy1

Eu amei esse abajur mas ele custava R$ 170. Então pensei: acho que rola fazer uma versão crafteira com tela aramada, ferro de solda e só a parte elétrica da luminária. :)

4. Garimpar produtos bacanas
Vamos ser sinceros, nem sempre os preços dos produtos decorativos à venda na Leroy Merlin são convidativos. Contudo, é possível encontrar bons negócios se você garimpar um pouco.

leroy2

Os tapetes, por exemplo, têm preços normais similares aos que estão à venda em outros magazines, mas na Leroy com frequência vejo uma variedade legal de estampas e tamanhos. Adorei esse bem grandão preto e branco.

leroy5

E esses vasinhos de cerâmica com texturas? Lindos demais e com um preço até bom (R$ 22,90 o pequeno e R$ 39,90 o grande).

5. Comprar considerando como prioridade a variedade e não o preço
Por exemplo, se a sua preocupação é mais sobre o tipo de porta-toalhas que deseja do que quanto precisará gastar nele, pode ir na Leroy sem medo. A variedade é grande, então mesmo que nem sempre os preços sejam os mais amigos, existe uma chance real de você sair bem feliz com o que comprou.

leroy4

Ainda na seção de jardinagem, encontrei esses vasos de nuvem que fazem o maior sucesso no Pinterest e que nunca tinha visto para vender no Brasil!

leroy8

Há também a chance de você encontrar produtos que resolvam a sua vida e que você nem sabia que existiam. Olha esse banco! Ele também é mesa e balde de gelo para bebidas em um só produto.

Durante a minha visita à Leroy, fui resolver um monte de coisa e terminei não fotografando tudo que queria. Talvez eu faça um outro post em uma próxima ida a loja. Quem sabe.

Vocês acham legal esse tipo de post passeio? Me digam que se a resposta for sim, registro mais as minhas andanças por aí.

 

5 lugares para viajar e se inspirar sem sair de São Paulo

Há pouco tempo falei aqui no blog que viajar é uma das melhores formas de aguçar a criatividade e deixar a decoração da nossa casa mais original. Lembra? Pois bem, a Expedia.com.br me desafiou a mostrar lugares inspiradores para viajar por outras cidades sem sair de São Paulo. Selecionei 5 estabelecimentos (entre bares e restaurantes), daqueles com sabores e decorações bem legais, que gosto de ir quando quero arejar as ideias e acariciar o estômago!

1- Exquisito!
Ele é mais um bar que um restaurante, mas a decoração é tão linda que as apetitosas comidinhas fazem a vez de uma refeição sem problemas. O tema aqui é a culinária latino-americana e o ambiente traz um mix lindo da cultura de vários países.

fotoexquisito-01

A decoração: O Exquisito! (nome que significa delicioso em espanhol) tem dois ambientes. Na parte de trás, a vegetação e os lustres à meia luz fazem um ambiente bem charmoso. No salão principal, onde ficam a maior parte das mesas, você encontra lambe-lambes, fotos, gravuras, pedaços de caçambas pintadas de caminhão, temperos e até aqueles espelhos de feira com moldura laranja. Uma mistura que grita latinidade em cada cantinho. Bom para quem curte uma decoração divertida em casa. Preste atenção às gravuras do artista pernambucano Derlon. Elas estão por toda a parte no restaurante, até no jogo americano descartável. Aliás, super vale a pena pedir um limpinho para o garçom, mandar emoldurar e pendurar na parede da sua casa.
O que pedir: Adoro o Chilli Royal, uma versão tex-mex do tradicional chilli mexicano. Vem com queijo fundido, guacamole, sour cream, nachos e tortillas. Para acompanhar, o mojito deles é ótimo!

2- La Tartine Bistrot
A viagem aqui é pela França. O La Tartine é um restaurante com ambiente intimista e preços amigos. O cardápio é enxuto mas delicioso.

fotolatartine-01

A decoração: Ao entrar no La Tartine parece que fomos transportados pra um bistrot despretensioso em algum lugar de Paris. As plaquinhas em francês penduradas por todos os ambientes, as cortinas de tiras, os espelhos e a pintura das paredes podem dar ótimas ideias para quem curte uma decoração bem boêmia.
O que pedir: Sempre como deliciosos croques ou quiches. Mas se você curte uma nova experiência também pode pedir escargots e rãs. A carta de vinho é bem acessível e tem opções legais de rótulos franceses e italianos, além dos chilenos que sempre encontramos.

3 – Consulado Mineiro
O nome já diz. Aqui o passeio é por Minas Gerais. O Consulado Mineiro é perfeito para você ir quando quer ter a sensação de estar numa cidade do interior. Comida aconchegante e móveis rústicos dão o tom desse restaurante.

fotoconsulado-01

A decoração: É um ótimo lugar para ter ideias de uma decoração mais rústica. Escultura de artesanato na janela, coleção de cachaças exposta, móveis pesados de madeira e vasinhos na sacada são apenas algumas das propostas fofas que estão por toda parte no restaurante.
O que pedir: Gosto do Tutu à Mineira e do Feijão Tropeiro. Não deixe também de comer um doce bem típico de sobremesa e de tomar uma cachaça, se você curtir.

4- Sancho Bar Y Tapas
Para dar uma voltinha na Espanha uma opção legal é o Sancho, um bar de tapas muito cheio de bossa na Rua Augusta.

fotosancho-01

Decoração: A decoração é bem moderna. Uma vibe meio bar jovem em Barcelona. Quem gosta de ambientes mais descolados pode se inspirar nas paredes de quadro negro cheias de gravuras, nos tijolinhos e principalmente na linda iluminação.
O que pedir: O melhor do Sancho é se servir das tapas que ficam expostas no balcão. Tem muitas opções e todas são bem gostosas. Não deixe de pedir a sangria. Ela é muito deliciosa e acompanha bem as tapas.

5- Gopala Madhava
Para passear pela India esse restaurante é uma delicia. Você sobe uma escadinha, senta no chão (se quiser) e de repente a energia é outra.

fotogopala-01

Decoração: Se você é fã de estampas e artigos orientais vai curtir esse lugar. Preste atenção aos tapetes, mobiliario e até mesmo nos pratos e copinhos de metal onde são servidas as refeições.
O que pedir: Os menus são pré definidos. Você geralmente pode escolher apenas entre 2 ou 3 opcões, mas vá com fé que não tem erro. Tudo é muito gostoso e mesmo que você não esteja habituado à comida vegetariana provavelmente vai gostar. Não deixe de tomar o chazinho no final para entrar ainda mais no clima zen.

São Paulo é uma cidade perfeita para viajar nos sabores. Uma dica boa para quem quer conhecer novos lugares é frequentar o Restaurant Week, que acontece todos os anos aqui e em outras cidades do Brasil. Saiba mais sobre o evento.

selo artigo expedia-01-01

Como ser uma pessoa criativa e achar ideias para decorar o lar?

Se você respondeu “checando o Pinterest“, tá na hora de enlarguecer as ideias. Sim, a rede de compartilhamento de fotos é mesmo ótima e de lá é possível “chupinhar” vários projetos legais. Porém, o incrível mundo do “faça você mesmo” é muito maior que isso. E uma vez treinado o seu olhar, você vai tirar ideais de onde nunca imaginaria antes.

Museus

Quem pensa os ambientes de um exposição estudou durante anos estética, montagem, iluminação, curadoria e mais um monte de técnicas para que as salas de uma galeria funcionem. Muitas vezes, essas ideais ficam ótimas aplicadas a sua casa também. As instituições de arte contemporânea em especial sempre rendem muitas inspirações com suas instalações e quadros que fogem do tradicional.

inspiraçaomuseu

O que procurar para se inspirar: A forma como é feita a composição dos quadros na parede, a iluminação das obras, as molduras originais e a ambientação e pinturas das salas. Além, claro, das próprias obras que trazem cores, composições e formas originais.

Escolas e Berçários

Quer decorar o quarto do pequeno? Visite uma escola construtivista e o resultado será dezenas de ideias de projetos lindos para esse ambiente. Berçários de shoppings sofisticados também  podem inspirar alguma coisa na decoração do quarto do bebê.

inspiracaoescola

O que procurar para se inspirar: A maneira como estão arrumados e expostos os brinquedos,  os móbiles no teto, a disposição e arquitetura dos móveis, a composição de cores e texturas.

Lojas de material de construção

Todas as vezes que eu preciso criar um projeto do zero vou dar uma volta em um desses grandes magazines de construção. Na minha opinião, em se tratando de DIY, não existe lugar melhor para abrir a mente. No meio de um monte de ferragens e materiais exóticos a criatividade sempre aflora.

inspiracaoloja

O que procurar para se inspirar: Objetos que você não faz nenhuma ideia para que serve mas que tenham uma forma interessante, ferragens, ferramentas, objetos para organização, revestimentos diferentes e lançamentos de tintas.

Loja de 1,99

Esse lugar é um tesouro para quem gosta de repaginar objetos. No meio de tantas utilidades doméstica sempre tem alguma jóia.

inspiracao199

O que procurar para se inspirar: Objetos úteis que podem ganhar cara nova com alguma intervenção.

Viagens

Para mim essa é a melhor coisa a fazer quando se quer oxigenar as ideias para a vida, não só para a decoração. Sempre volto diferente e com um monte de projetos a cada novo passeio. Imagino que com você não deve ser diferente.

inspiracaoviagem

O que procurar para se inspirar: Exposições de arte (pelos mesmos motivos listados no museu), feiras livres (para encontrar alguma novidade ou objeto interessante), livraria e bibliotecas (mesmo com a globalização muitas vezes há livros que você nunca viu na sua cidade), restaurantes (a ambientação e a decoração podem surpreender), lojas e cafés (para observar os hábitos e artigos dos moradores do local).

Viu como é possível achar ideias para decorar em outros lugares além da web? Treine os olhos para achar os seus cantinhos inspiradores também e depois me conta :)