Como é feito um tapete artesanal – Vídeos da Vania

Eu sempre fui apaixonada por tapetes, apesar (ou pelo fato) de ser bastante alérgica a poeira, e de não poder ter esta peça em casa, sempre gasto um tempo especial nesta seção quando vou em alguma loja de decoração. Enquanto a cura da alergia não chega, eu me contento em olhar os padrões e sentir suas texturas, que geralmente variam bastante de peça para peça, indo do áspero ao surpreendentemente macio.

Apesar de grande parte dos tapetes comercializados serem produzidos de maneira industrial, a técnica do tapete artesanal continua à todo vapor em países como Egito, Irã, Turquia, Afeganistão, China, Paquistão e Índia. Cada tapete pode levar de meses a anos para ser confeccionado. Feitos geralmente de lã ou seda, esta peças possuem padrões de desenho bem complexos, que exigem muita técnica e atenção constante do artesão.

Este vídeo produzido pelo canal americano de televisão CNN mostra o dia a dia de produção na Obeetee, a maior empresa de tapetes artesanais da Índia, que chega a produzir cerca de 400 mil peças por ano, aproximadamente 1/3 de toda produção mundial!

Para assistir e pensar duas vezes antes de dizer que um tapete como esse custa caro!

rodapevania-04-01-01-01

Cerâmica sua linda! – Vídeos da Vania

Quando entrei na faculdade de Design meu sonho era projetar produtos para cozinha, pratos, copos, travessas, talheres e tudo o mais que unisse as três técnicas que eu sempre sonhei em aprender, mas nunca tive tempo ou coragem de explorar: a cerâmica, o sopro de vidro e a ourivesaria. A faculdade me levou para outros caminhos, mas a vontade ainda mora aqui. =D

Enquanto não chega o dia de botar minhas mãozinhas em um bloco de argila, eu me contento em assistir os vídeos lindíssimos que este povo talentoso fica postando na web. São tantos que é difícil escolher qual postar, então hoje, diante de tanta dúvida, selecionei dois momentos de perfeição e tranquilidade.

O primeiro é de uma ceramista da República Tcheca chamada Martina Žílová, que participa de uma loja chamada Czech Design, que vale a pena a visita, apesar do site estar em Tcheco, pois tem outras coisas lindas por lá.

O segundo é de um ceramista sul coreano chamado Lee Hyuang-Gu, que é tido como um dos 5 grandes mestres da Icheon Ceramics Village que se localiza na província de Gyeonggi, na Coréia do Sul. A Icheon possui com mais de 300 ateliês de cerâmica afiliados, fazendo da província um polo ceramista no país.

Deu vontade, não deu??

rodapevania-04-01-01-01

Yosegi – a arte da delicadeza

Faz algum tempo que sem querer comecei a colecionar vídeos de lindezas que aparecem na minha timeline. Geralmente estes vídeos são sobre pessoas confeccionando artefatos manuais, alguns deles usando técnicas bem antigas, outros usando métodos para lá de modernos, mas todos sem exceção fazendo do mundo um lugar mais lindo e inspirador.

Hoje vou compartilhar um vídeo que me impressionou muito pela delicadeza do trabalho, e pela dedicação e paciência necessária para a execução de peças tão lindas.

A técnica é chamada de Yosegi, e foi desenvolvida no Japão no Período Edo (1603 a 1868). Esta técnica é muito próxima ao que chamamos de Marchetaria, consistindo na colagem de vigas de madeira de cores diferentes, a fim de criar padrões de mosaicos. No caso do Yosegi, depois de pronto, o mosaico é laminado bem fininho, e as folhas são utilizadas para revestir peças de madeira.
Dá uma olhada e me diz se não é incrível!

Agora vai ser assim, de tempos em tempos, um vídeo lindo vai aparecer por aqui para trazer amor e inspiração para vocês.

rodapevania-04-01-01-01